sábado, 7 de outubro de 2006

(41) O LABIRINTO


O ENCONTRO É FÁCIL E O DESENCONTRO FACILITADO.
PREFIRO LABIRINTOS COM MAIOR NÍVEL DE DIFICULDADE
.

1 comentário:

preconceitos disse...

De Di a 9 de Outubro de 2006 às 22:23
Pois eu não....acho este um dos mais dificeis !
Sempre que la entrei....perdi-me!
Mas como todos os bons desafios, este continua ser dos mais atraentes, creio que para a maioria do ser humano. Talvez o segredo seja entrar no labirinto munida das suas sandalias, bem calçadas.........

De solcar a 10 de Outubro de 2006 às 10:29
As sand'alias, enquanto usadas, andam sempre bem calçadas. O que eu digo é: sendo tão simples o encontro, também o é o desencontro...

De Di a 10 de Outubro de 2006 às 15:20
É ! Por isso a dificuldade na escolha :
1- Sera que depois do encontro devemos "trabalhar" para que não haja desencontro....??? Ou ...
2 - simplesmente aceitar que o encontro é maravilhoso, mas que a sua beleza dura só enquanto dura, e que o desencontro deve ser aceite como uma sequencia logica do encontro ?
A 1, até aqui não me proporcionou a saida do labirinto.
Inclino-me para a opção 2, sem certezas, e parece-me que é aí que entram as sandalias, e é também por aí que o Homem tem ainda caminho a percorrer, com alguns obstaculos a vencer.
Que dita a sua experiencia ? Partilhe connosco por favor

De Maricel a 17 de Outubro de 2006 às 02:52
OH!.....LI O TEU COMENTÁRIO ME DEU UMA MASSAGENZITA NO EGO
É que conheço as minhas limitações, nunca tive grande jeito para redigir, faltam-me as palavras, esqueço-me dos termos.... , troco letras... enfim, Ortografia - por vezes penso, que importa se uso um (u) em vez de um (o) , 2 (ses ) no lugar do (ç), se o sentido está lá? Sei que sou perita, nessas trocas, ao reler por vezes detecto o erro, mas não gosto muito de reler o que escrevo espontaneamente ,
"vace " lá saber porquê....
Isto é contraditório, pois gosto de houvir e ler,
O BOM PORTUGUÊS
ATÉ